Arquivo

Posts Tagged ‘Paróquia de Sever’

Vista Pastoral de D. António Couto em Sever

12339195_1655093151431685_7690868319037434393_o

Ao aproximar-se o dia solene da Imaculada Conceição da Virgem Santa Maria, padroeira da nossa paróquia, quis sua excelência reverendíssima, sr. D. António Couto, visitar-nos como pastor. Sim, não foi como médico ou simplesmente como quem veio dar um recado. Foi sim como pastor que veio para estar e nos trouxe “notícias de Deus”.

Nos três dias que esteve entre nós, o sr. Bispo teve a oportunidade de estar com muitas pessoas e de lhes falar.  Começou por administrar o sacramento da ternura de Deus, a Santa Unção, aos doentes da nossa paróquia, que passam agora os seus dias em casa. A proximidade e o carinho de Deus pelos seus filhos mais fragilizados tornavam-se patente em cada encontro.

Ainda no primeiro dia da visita o senhor Bispo foi recebido no Centro de Bem Estar e Repouso, instituição de erecção canónica, onde foi servido um almoço com os representantes das associações e entidades, o Centro Social e Cultural, a junta e a assembleia de freguesia e o sr. Presidente da câmara, representado o município. Neste almoço estiveram os idosos utentes do Centro das suas diversas respostas sociais.

No final da refeição pode o senhor bispo visitar a empresa “Blocoviga” e passear pelos extensos pomares de Sever, sendo depois recebido na junta de freguesia e visitado o Centro Social e Cultural, onde funciona o ATL e o prolongamento escolar, respostas sociais do Centro de Bem Estar e Repouso da Paróquia(CBERPS), na área da infância.

Regressados ao CBERPS celebramos a Eucaristia, presidida pelo senhor Dom António, com administração da Santa Unção a utentes, colaboradores e demais presentes que quiseram receber o sacramento. Depois da celebração visitamos um armazém de batatas em Arcas e ainda o “ex libris” a capela de Nossa Senhora das Seixas.

O dia terminava com um momento de encontro com as “forças vivas” da paróquia que apresentaram as actividades que vão fazendo e também os seus anseios e angústias. À comunidade o senhor Bispo deixou pistas e caminhos para percorrer, nomeadamente no que se refere à criação de grupos de formação, de evangelização/missão e ainda de caridade.

No segundo dia da visita, sábado, foi a vez da Granjinha receber o seu pastor e escutar a sua palavra. Já de tarde e depois de ter estado com as crianças e adolescentes da catequese, o senhor bispo presidiu à eucaristia vespertina na capela de Nossa Senhora da Apresentação, em Arcas. Houve ainda tempo para um encontro com os jovens crismandos.

No domingo, recebemos o nosso prelado na Capela da Sagrada Família e daí, processionalmente, nos encaminhamos para a Igreja onde foi celebrada a Eucaristia e administrado o sacramento da confirmação. Na homilia o senhor bispo desafiou os jovens a encontrar o seu lugar na comunidade e a nunca o deixar vazio, pedindo também à assembleia litúrgica para que faça sempre ver àqueles que não celebram a sua fé, que fazem falta, sendo por isso destinatários da nossa missão. Bela oportunidade para escutar e estar com o nosso pastor, e como povo de Deus celebrar o amor que ele nos dispensa. Agradecemos ao sr. D. António Couto a sua visita, o seu estar connosco, as suas palavras que nos entusiasmaram, os seus silêncios de compreensão e o seu sorriso motivador.

Jorge Gomes, in Voz de Lamego, ano 85/54, n.º 4341, 8 de dezembro

CONVÍVIO 1267 | Por terras de Alvite

visita-convivas-alvite

Foi ao começar este mês que a mesma equipa que preparou o Convívio Fraterno 1267 visitou os convivas 1267 de Alvite.

Alguns elementos do Grupo Jovens Sem Fronteiras de Alvite, atenderam, uma vez mais ao chamamento de Nosso Amigo Jesus Cristo, em participar no Convívio Fraterno que se realizou nos dias 14, 15, 16 do mês passado.

E foi passado alguns dias que a equipa resolveu descobrir como estava a correr o 4.º dia  de cada conviva, acompanhando estes, na Eucaristia presidida pelo Pároco Bráulio na Igreja Paroquial de Alvite pelas 11h00.

Foi com grande alegria, em nosso coração que recebemos estes maravilhosos instrumentos de Deus, estes instrumentos que nos ajudaram a ouvir a melodia que Deus nos envia! Ficamos maravilhados com a surpresa!

No entanto após, a Eucaristia, tivemos ainda um almoço de convívio, que se realizou no Centro de bem estar social e repouso da paróquia de Sever onde também recordamos os três dias do Convívio cantando alguns cânticos apreendidos lá.

 Assim fica um obrigado à equipa por esta surpresa em que Deus os enviou uma vez mais e também àqueles que se disponibilizaram para preparem o almoço para este dia. Bem hajam.

Jesus Cristo é Amigo, e vemo-lo no rosto de cada irmão no caminho que percorremos!

CF 1267- Martina Veiga, Jovens sem Fronteiras de Alvite

in Voz de Lamego, n.º 4304, ano 85/17, de 10 de março de 2015