Arquivo

Posts Tagged ‘Paróquia de Leomil’

Concerto de Natal na Paróquia de Leomil

A noite do passado dia 16 foi, para a paróquia de São Tiago de Leomil, uma noite que fez sentir a alegria de esperar o Messias. Foi isto possível pelo antecipado presente de Natal que o Grupo Coral dessa paróquia, em parceria com o Grupo Coral de Santa Cristina de Tendais, preparou para todos aqueles que quiseram apreciar o seu talento: um concerto de Natal. Foi uma belíssima iniciativa esta, que serviu para estreitar laços entre as pessoas destes dois Grupos e entre todos os que ali estiveram. O tema das belas peças ali apresentadas foi, obviamente, o Natal.

Escutámos melodias tradicionais e algumas mais clássicas, sempre com a ajuda de violinos, viola de arco, violoncelo, órgão. Foram duas horas muitíssimo bem passadas, conduzidas por belas vozes, num belo ambiente de amizade fraterna onde todos buscávamos o mesmo: preparar um melhor lugar no nosso íntimo para Aquele que aí Vem. Obrigado, Leomil. Obrigado, Tendais.

 

Diogo Martinho, seminarista VI ano,

in Voz de Lamego, ano 87/55, n.º 4441, 19 de dezembro de 2017

Departamento Diocesano de Música Sacra: Formação coral em Leomil

leomil

No passado dia 10 de novembro, o grupo coral paroquial de São Tiago de Leomil recebeu a visita do senhor padre Marcos Alvim, responsável pelo departamento de música sacra da diocese de Lamego.

Esta visita serviu para dar formação ao jovem coro que se formou em março, aquando da visita pastoral do senhor D. António Couto à paróquia de Leomil.

O senhor padre Marcos falou da importância do coro na animação litúgica. O coro deve estar ao serviço da liturgia e esta função não deve ser entendida como um concerto. O coro pode dar concertos, mas em encontros entre coros ou em apresentações ao público. Salientou bem a importância do compromisso que cada membro do coro tem de assumir, ou seja, participar em todos os ensaios que são marcados.

A nível mais prático, ensinou o significado de alguns sinais que aparecem nas pautas e o valor de algumas notas musicais.

O grupo coral paroquial de São Tiago de Leomil agradece ao seu maestro, Joel Valente, que organizou esta formação e ao senhor padre Marcos Alvim pela sua disponibilidade.

 

in Voz de Lamego, ano 87/51, n.º 4387, 15 de novembro de 2016

D. António dedica o altar da Igreja de São Tiago de Leomil

28web

Sede sempre alegres. Orai sem cessar. Em tudo dai graças. Esta é, de facto, a vontade de Deus a vosso respeito.” 1 Ts 5 16-18

Foi neste espírito que a comunidade paroquial de São Tiago de Leomil viveu um dia grande no passado domingo, 12 de Outubro. As ruas e a Igreja, os fiéis e seus párocos, vestiram-se de festa para a Dedicação do altar da Igreja e para acompanhar oito jovens que receberam o Sacramento da Confirmação.

A unção com o Santo Crisma dos jovens do 10ºano de catequese que se empenharam e prepararam para dar o seu sim e renová-lo todos os dias era, por si só, motivo de grande júbilo.

Mas o dia tornou-se ainda mais belo porque foram inauguradas e benzidas as obras da Igreja, dedicado o seu altar e benzido o ambão. É destas fontes de vida eterna e de felicidade, da palavra e do pão, que a comunidade quersaborear, viver e partilhar.

A celebração eucarística presidida por sua excelência reverendíssima Dom António, concelebrada pelos reverendíssimos Vigário Geral, pró Vigário Geral, arcipreste, bem como pelos párocos de São Tiago de Leomil e por sacerdotes que quiseram partilhar esta alegria, foi um hino profundo de Acão de Graças ao Senhor por tão grande benefício. Solenizada pelo canto das crianças da catequese, a oração subiu como incenso para o nosso Deus que se baixou e para nós olhou, como humildes servos, e connosco tomou parte, comungando do nosso júbilo.

Proferida a homília e de traje nupcial revestidos, acompanhámos a dedicação do altar com o óleo do crisma para que nele e sobre ele esteja o próprio Cristo. A mesma unção não apenas reveste mas entra e integra o coração e a mente de cada jovem crismado, no desejo ardente de se configurar à pessoa de Jesus Cristo.

No final da celebração, os párocos agradeceram a cada pessoa que fez desta obra sua, sendo projeto, anseio e objetivo de todos.

A participação de tantos, incluindo dos nossos irmãos evangélicos batistas, mostra uma Igreja viva e peregrina por terras de Deus, protegida pela forte intercessão de São Tiago, apostados em construir e instaurar, aqui e agora, o reino dos Céus.

Texto: os Párocos | Fotos: Cristina Centeio,

in VOZ DE LAMEGO, n.º 4285, de 21 de outubro de 2014