Arquivo

Posts Tagged ‘Congregações Religiosas’

CONGREGAÇÃO DAS IRMÃS SERVAS DE NOSSA SENHORA DE FÁTIMA

Comunidade Lamego 06.02.2015

Ano da Vida Consagrada 

Quem Somos: CARISMA

Somos mulheres consagradas a Deus, numa Congregação religiosa, fundada em 1923 por Luiza Andaluz, em Santarém, Portugal, chamada a participar na missão de Jesus Cristo Sacerdote, o enviado do Pai, tendo Maria como exemplo de vida e missão.

O nome de Servas de Nossa Senhora de Fátima foi sentido por Luiza Andaluz, junto do túmulo de S. Pedro, em Roma. De facto, a Congregação nasceu no movimento de recristianização do país que as aparições de Nossa Senhora em Fátima motivaram. As servas, como o Servo de Javé (Is 53, 4ss), animadas pelos sentimentos de Cristo, a Ele se unem, em atitude de adoração, louvor, ação de graças, intercessão e súplica pela humanidade e pelas vocações de serviço na Igreja.

À luz da Palavra de Deus, em convergência de espírito e de ação com o ministério sacerdotal, vivemos e trabalhamos de forma específica a comunhão com todo o povo sacerdotal, sentindo, pensando, sofrendo e trabalhando com ele, na unidade da Igreja Diocesana. Contemplativas na ação e numa contemplação ativa, estamos atentas às situações concretas da Igreja e às exigências dos novos tempos e lugares. Vivemos em pequenas comunidades, inseridas no meio local, para o serviço da Igreja e da Humanidade.

Os traços essenciais do nosso carisma podem resumir-se: na confiança em Deus; no seguimento de Cristo Sacerdote; no amor a Maria, a serva do Senhor; na comunhão eclesial e na incarnação no meio.

Em Maria, vemos o modelo de doação e colaboração no projeto de salvação. O nosso lema é: “EIS A SERVA DO SENHOR, FAÇA-SE EM MIM SEGUNDO A TUA PALAVRA” (Luc 1, 38).

Com Luiza Andaluz, nossa fundadora, continuamos a desejar: “Que a chama, que temos por emblema, seja luz e calor para todos os que nos rodeiam”. Luiza Andaluz

LA 58

Luiza Andaluz, a nossa fundadora

Luiza Andaluz nasceu a 12 de Fevereiro de 1877, em Santarém, filha de pais profundamente cristãos, que a educaram no amor e altruísmo pelos outros. Era visita assídua desta família, D. José Neto, Cardeal Patriarca de Lisboa, que, da pequena Luiza terá dito, que “nunca tinha visto tamanha fé numa criança”. Reconhecendo os seus dons, quando Luiza tinha apenas 14 anos, pede-lhe que ajude uma comunidade de contemplativas Capuchas numa obra social para crianças.
Vivem-se momentos de grande hostilidade à Igreja e, sobretudo, às ordens religiosas, muitas das quais são expulsas aquando da Revolução de 1910. Ler mais…

Ano da Vida Consagrada… na nossa Diocese

s84

Ao longo deste Ano da Vida Consagrada, todo o povo cristão é convidado a tomar consciência deste dom que é a Vida Consagrada para a Igreja e o mundo. Presente em formas tradicionais ou novas, esta Vida habita o coração da Igreja e é um elemento essencial na sua missão. Por isso, todos os cristãos estão convidados a conhecer melhor tal vida, apreciando a sua missão e dando graças por tal dom.

A nossa diocese tem a graça de poder contar com uma presença numerosa e diversificada de consagrados, presentes em vários locais diocesanos e assumindo uma missão que é comum, servir a Igreja de Cristo.

O nosso jornal já se ofereceu para divulgar imagens e palavras das diferentes “famílias religiosas” presentes na nossa diocese, dando a conhecer fundadores, carismas, comunidades, serviços, presenças e missão entre nós.

Aproveitando o Ano que estamos a viver, renovamos o convite à participação de todos. Entretanto, publicamos hoje os nomes das comunidades e institutos presentes na diocese.

  • Irmãs Dominicanas Contemplativas – Mosteiro de Nossa Senhora da Eucaristia
  • Congregação da Divina Providência e Sagrada Família
  • Congregação das Irmãs Franciscanas Hospitaleiras da Imaculada Conceição
  • Filhas de São Camilo
  • Dominicanas de Santa Catarina de Sena
  • Missionárias do Precioso Sangue
  • Missionárias Reparadoras do Sagrado Coração de Jesus
  • Religiosas do Amor de Deus (Lamego)
  • Servas de Nossa Senhora de Fátima
  • Priorado de Nossa Senhora da Assunção – Beneditinos
  • Igreja de São Francisco (Ordem dos Frades Menores) – Franciscanos
  • Instituto das Cooperadoras da Família
  • Servos e Servas do Coração de Maria de Jesus
  • Instituto Secular de Filiação Cordimariana
  • Auxiliares do Apostolado

JD, in VOZ DE LAMEGO, n.º 4298, ano 85/11, de 20 de janeiro de 2015