Arquivo

Posts Tagged ‘Alvarenga’

Monsenhor Simão Morais Botelho | 1923 – 2014

10557245_779278932094389_3965459287590152797_nO Senhor, Deus Misericordioso e Bom, chamou para Si, neste dia 25 de julho de 2014, Festa do Apóstolo São Tiago (Maior), Monsenhor Simão Morais Botelho, nascido a 21 de dezembro de 1923, ordenado sacerdote em 8 de setembro de 1946.

O Senhor, Deus Misericordioso e Bom, chamou para Si, no dia 25 de julho de 2014, Festa do Apóstolo São Tiago (Maior), Monsenhor Simão Morais Botelho. O funeral realizou-se no dia seguinte, 26 de julho, pelas 17h00, na Igreja Paroquial de Alvarenga, onde residiu nos últimos tempos. A Eucaristia exequial foi presidida por D. Jacinto Botelho, Bispo Emérito de Lamego.

Nascido a 21 de dezembro de 1923, no Rio de Janeiro, filho de Hermínio Cardoso Botelho e de Emília Rosa Morais, veio ainda jovem para Portugal, frequentando então os Seminários diocesanos. No dia de São Pedro de 1946 foi ordenado Diácono, na capela do Seminário. Algum tempo depois, no dia 08 de Setembro de 1946, na mesma capela, foi ordenado Sacerdote, pelo bispo de então, D. Ernesto Sena de Oliveira. Celebrou a “Missa nova” na terra natal de seus pais, Alvarenga, no dia 10 de Setembro de 1946.

Aqui ficam alguns dados da sua missão sacerdotal:

– de 1946 a 1954 desempenhou as funções de prefeito e professor no Seminário Menor de Resende,

– de 1954 a 1961 foi prefeito e professor no Seminário Maior de Lamego,

– em 1954 foi nomeado Administrador do jornal diocesano “Voz de Lamego,

– de 1961 a 1971 foi Vice-Reitor do Seminário Maior de Lamego,

– em 1964 foi nomeado cónego honorário do Cabido da Sé de Lamego,

– em 1973 obtém a licenciatura em Teologia Pastoral pelo Instituto Superior de Pastoral de Madrid,

– de 1974 a 1977 desempenhou a missão de vice-pároco da Sé,

– de 1974 a 1990 foi director da Voz de Lamego e responsável pela Gráfica,

– em 30 de dezembro de 1978 foi nomeado pároco adjunto de Almacave,

– a 19 de maio de 1985 foi nomeado cónego capitular da Sé,

– em 1994 foi nomeado secretário de D. Américo do Couto Oliveira,

– em 1994 foi nomeado prelado de Sua Santidade, com o título de Monsenhor,

– desempenhou a missão de Deão do Cabido Catedralício

– a partir de 15 de maio de 2000 foi nomeado Secretário Geral da Diocese, que assumiu até ao limite das suas forças.

Depois de dispensado das suas funções, em virtude da diminuição da sua saúde, Mons. Simão viveu alguns anos na Casa de S. José. Depois foi residir em Alvarenga, em casa familiar, juntamente com seu irmão, Padre Rui Botelho, falecido há cerca de meio ano.

Louvamos o Senhor por esta vocação e por tudo quanto Mons. Simão fez em prol da nossa diocese, ao mesmo tempo que também sublinhamos o carinho e o cuidado com que a sua família o acompanhou sempre.

Monsenhor era irmão do Pe, Rui Morais Botelho, falecido há pouco tempo, de 7 para 8 de abril, conforme a notícia dada também AQUI.

Funeral a 26 de julho, pelas 17h00, na Igreja Paroquial de Alvarenga, de onde era natural e onde residiu nos últimos tempos. A Eucaristia será presidida por D. Jacinto Botelho, Bispo Emérito de Lamego, em representação de D. António Couto, Bispo de Lamego.

Aos familiares e amigos, mas também às pessoas das comunidades em que serviu como sacerdote, a nossa comunhão e oração, na certeza de um dia nos encontrarmos todos, em definitivo, no Coração de Deus, a quem agradecemos a Sua vida e o Seu ministério sacerdotal.