Início > Ano Pastoral, Igreja, Nomeações, Sacerdotes > Paróquia de Alhais tem novo Pároco

Paróquia de Alhais tem novo Pároco

img_20170108_123202

A Igreja de Nossa Senhora da Corredoura, em Alhais, acolheu hoje, dia 08 de janeiro de 2017, com a simplicidade que lhe é característica o novo Pároco.

Em dia de Reis e com um sol radioso neste Inverno gelado, o Rev. Sr. Padre José Justino Lopes surge na porta principal da nossa igreja e em procissão com o livro dos evangelhos nas mãos dirige-se ao altar mor, onde um dos membros do Conselho Económico de Alhais (Eng.º José Manuel Correia Alves) e em nome de todos os paroquianos profere umas palavras de boas vindas ao novo pároco, agradecendo a forma célere com que a Diocese de Lamego solucionou o problema de falta de pároco na nossa comunidade e a disponibilidade do mesmo  em aceitar a nossa paróquia, realçando ainda que Alhais é uma Paróquia com muita atividade a nível da infância e da adolescência, tanto a nível do grupo coral como a nível catequético, esperando que o novo pároco mantenha esta atividade e mostrando a disponibilidade dos paroquianos para colaborar com ele. Duas meninas da nossa comunidade ofereceram um ramo de flores ao novo pároco e outro ao Rev.º Sr. Pró-Vigário Padre João Carlos, representante de Sua Ex.ª Rev.ª Sr. D. António Couto, Bispo de Lamego.

img_20170108_124155

Deu-se inicio à Eucaristia presidida pelo Sr. Pró-Vigário, que na homilia começou por ler o Despacho de Nomeação, do novo pároco, pelo Sr. Bispo de Lamego, contando seguidamente uma pequena conversa a que tinha assistido entre o Sr. Padre Justino e o Sr. Bispo, na última visita pastoral em meados de outubro a Vila Nova de Paiva, na qual o Sr. Padre tendo em consideração a sua idade, já próxima dos 75 anos, fez saber ao Sr. Bispo a sua vontade em pedir a sua resignação, tendo obtido por parte do Sr. Bispo a resposta de que pensaria nele mais como uma saída do que que como um padre de saída. Com base nesta pequena conversa o Sr. Pró-Vigário fez uma analogia entre o percurso do Sr. Padre Justino e o nosso Papa Francisco, tendo em conta que tanto um como outro quando pensaram em resignar foram-lhe atribuídas novas funções.

Na parte final o novo pároco tomou a palavra para apresentar as razões pelas quais pensou em não aceitar o desafio que lhe era proposto, concluindo que essas razões eram as mesmas pelas quais devia aceitar. Reconheceu que já não era um jovem capaz de correr uma maratona, no entanto, manifestou a sua disponibilidade para fazer o seu melhor, agradecendo e solicitando a colaboração de todos os paroquianos, desde a criança mais pequenina até ao mais idoso, para levar a bom porto esta longa caminhada, que se augura ser árdua mas muito profícua.

Seja muito bem vindo à nossa paróquia Sr. Padre Justino.

Ondina Pires, in Voz de Lamego, ano 87/09, n.º 4394, 10 de janeiro de 2017

  1. Ainda sem comentários.
  1. No trackbacks yet.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: