Início > Eventos, Formação, Igreja, Santuários > Jornadas Nacionais de Comunicação Social | 2016

Jornadas Nacionais de Comunicação Social | 2016

p1230043

Pensar a comunicação na Igreja Católica em Portugal

A Igreja Católica em Portugal quis pensar na comunicação que está a realizar no contexto português. Para isso reuniu os Secretários Diocesanos em Fátima, para «pensar a comunicação», ouvindo-os sobre o que pensam sobre o tema e a vida dos Secretariados, Gabinetes de Comunicação e órgãos de Comunicação Social nas Dioceses, tema que ocupou a tarde do primeiro dia de trabalhos.

Presentes quase todas as Dioceses que viram os seus trabalhos presididos pelos Bispos D. Pio Alves, Presidente da Comissão Episcopal do sector, D. Amândio Tomás e D. João Lavrador; acompanhou todos os trabalhos o P.e Américo Aguiar, Director do Secretariado Nacional das Comunicações Sociais. D. Pio Alves saudou os presentes e pediu que falássemos uns com os outros sobre a realidade de cada Diocese e o que de melhor podemos construir. Alvitrou que «não tropeçássemos nas dificuldades», mas víssemos o que somos, o que temos e o que podemos. Também o P.e Américo Aguiar saudou os presentes, agradeceu o esforço feito até este momento e convidou-os a «potenciar as coisas boas», nos locais do trabalho, que vai das paróquias até ao nível diocesano. E os trabalhos da tarde de 22 de Setembro ocuparam o tempo destinado a este tema, que permitiu dizer e ouvir o que se pensa e faz nas diversas Dioceses.

O trabalho foi dividido em dois painéis, dado o número de participantes em cada um deles. O tempo dado a cada Diocese para se dizer o que se pensa e faz variou ao sabor do pensamento, da palavra e da acção, mas todos tiveram a possibilidade de falar, expondo ideias, explanando pensamentos e divulgando acções. E ouviu-se uma palavra muito discutida, dadas as dificuldades de diversa ordem que preocupam as Dioceses: «tem de se manter o jornal diocesano», mas com a ajuda de alguém que ajude e oriente na acção a fazer.

A manhã do dia 23 foi ocupada com duas lições, a primeira do Professor Fernando Ilharco, da Universidade Católica Portuguesa, e a segunda do P.e José Maria Gil Tamayao, secretário e porta-voz da Conferência Episcopal de Espanha.

Fernando Ilharco afirmou que «o desafio (da informação) é muito grande», apontando a criação de um fio comum para comunicar bem em cada época. Mas outra afirmação deve ter ficado na memória dos presentes: «mais de 90% do que comunicamos nos jornais não vai ser lida por ninguém», o que quer dizer que é preciso usar os novos meios de comunicação para atrair e «captar» a atenção dos destinatários da mensagem que queremos afirmar e fazer passar; outra palavra a resumir a ideia: «a mudança é fundamental».

E falou de um «plano de comunicação da Igreja em Portugal», com ideias, eficácia, evitando a confusão, resumindo com a afirmação: «fazer mais e melhor» e «para isso, formar é necessário».

O P.e José Maria afirmou também e logo a começar que «a comunicação é fundamental, fortalece a comunhão e engrandece-a»; e apontou a chave para isso: «humildade». E foi dizendo que «a Igreja fala, explica, mas não comunica», numa sociedade que está em movimento, mas não há profissionalismo nos gabinetes. E a falta de preparação para a comunicação leva a queixas mútuas entre a Igreja e os Meios de Comunicação Social, que vão do secretismo à falta de transparência, originando a desconfiança, a falta de rigor informativo ou a falta de preparação religiosa nos Meios de Comunicação Social.

Também aqui se fez notar o terrível aviso do minuto final, mas ficou a certeza de que precisamos de «uma pastoral mais comunicativa», onde haja um espaço para Deus e que nos leve à «comunhão» em toda a actividade pastoral, mais missionária, mais caritativa e mais social.

O desafio é mesmo grande, a preparação é cada vez mais necessária, é preciso um plano de comunicação da Igreja em Portugal. Como o concretizar? Formação de jovens? Quem o vai assumir? Tem a palavra a Comissão Episcopal do sector.

P.e Armando Ribeiro, in Voz de Lamego, ano 86/44, n.º 4380, 27 de setembro de 2016

  1. Ainda sem comentários.
  1. No trackbacks yet.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: