Início > D. António Couto, Evangelho, Eventos, , Igreja, Jesus Cristo, Nossa Senhora, Notícias, Oração, Santuários > Povo que chora, canta e reza a santidade de Deus | Ternura de Maria

Povo que chora, canta e reza a santidade de Deus | Ternura de Maria

dsc_0285

O culminar da festa em honra de Nossa Senhora dos Remédios, Padroeira da cidade de Lamego, aconteceu, como sempre, no dia 08 de Setembro, a data escolhida pela Igreja para celebrar a festa da Natividade de Maria. Nesse dia, milhares de pessoas fizeram a festa em Lamego, quer na Eucaristia celebrada no Santuário, quer na Procissão que percorreu algumas das ruas da cidade verde.

O tempo ameno que se fez sentir contribuiu para a serenidade e elevada participação com que este dia decorreu. Pela manhã, muitos foram os que subiram ao monte de St. Estevão e encheram por completo o Santuário dedicada à Mãe, participando na celebração eucarística a que D. António presidiu, rodeado de alguns sacerdotes, e o coro, orientado pelo Padre Marcos Alvim entoou cânticos já conhecidos, favorecendo a participação alargada dos fiéis. Presentes também o Comissário da Irmandade de Nossa Senhora dos Remédios, Dr. Manuel Teixeira, e o Presidente da Câmara de Lamego, Eng. Francisco Lopes, que se responsabilizaram pela leitura dos dois primeiros textos bíblicos proclamados na liturgia da Palavra.

No início da celebração e após a comunhão, o Reitor daquele Santuário, Cón. João António Pinheiro Teixeira, dirigiu palavras de louvor à Mãe e de saudação a todos os peregrinos.

imgp9885

Estremecer sem adormecer

Na homilia, cujo texto publicamos neste jornal (pode ler-se na página oficial da Diocese de Lamego – AQUI), o nosso bispo convidou todos à verdadeira alegria, aquela que não se programa, mas que se recebe e testemunha como “pura graça de Deus”. Comentando o texto evangélico do dia, onde S. Mateus enumera a genealogia de Jesus, D. António disse que, em Deus, ninguém está isolado, ninguém se perde e os milénios não separam. Mas só Deus pode pôr os nossos olhos embutidos a ver tais maravilhas, fugindo à banalidade, à “alegria líquida” e à facilidade de esquecer o Criador. Depois sublinhou a exemplaridade de Maria, destacando a sua humildade e a sua ternura, tão evidentes na imagem da Virgem que ali se venera. Maria estreita-nos para nos acariciar, entrega-nos a Jesus para nos proteger e convida-nos a cuidar dessa relação, para que a ternura e a proximidade, aparentemente frágeis, não desapareçam. Com Maria, somos convidados a estremecer e não a adormecer.

dsc_0184

Caminhar com Maria

À tarde, a partir das 16h, o povo está já estrategicamente colocado ao longo do percurso para acompanhar a Mãe na muito divulgada e apreciada Procissão. Não se exagera se se disser que são vários os milhares de devotos que assim aguardam a passagem dos andores e daquela que, do seu trono, olha e convida todos a “fazerem o que Ele diz”.

No rosto de todos há olhares de esperança que esperam a intercessão materna, há palavras de louvor e de agradecimento, há gestos de ternura e de saudação. Por todo o lado há máquinas que procuram fixar o momento e divulgar o acontecimento, marcado pelo Jubileu da Misericórdia em curso.

Mas, permitam a nota, há também um exagerado recurso às palmas, o que rouba oportunidades à oração, ao silêncio, à contemplação e ao som das bandas que acompanham. A iniciativa, que se louvou em ano de muito esforço para os nossos Bombeiros Voluntários, procurou enaltecer o esforço e abnegação dos “soldados da paz”. Desta vez, com as palmas contínuas já não se sabia para quem eram. E, para Nossa Senhora, as palmas não chegam.

A Procissão, após a habitual paragem na esplanada da igreja de Sta. Cruz, seguiu até ao Santuário, onde Maria a todos espera e donde todos abençoa.

JD, in Voz de Lamego, ano 86/42, n.º 4378, 13 de setembro de 2016

  1. Ainda sem comentários.
  1. No trackbacks yet.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: