Início > Eventos, , Igreja, Jesus Cristo, Jovens, Jubileu da Misericórdia, Mensagem, Papa Francisco > JMJ 2016: Papa tem missão para os jovens católicos: sair do «sofá»

JMJ 2016: Papa tem missão para os jovens católicos: sair do «sofá»

JMJ - Francisco cumprimenta os jovens em Cracóvia

O Papa disse hoje na Polónia que os jovens católicos são desafiados a sair do “sofá” e a evitar a “paralisia silenciosa” de uma vida fixada em videojogos e no computador. “Um sofá – como os que existem agora, modernos, incluindo massagens para dormir – que nos garanta horas de tranquilidade para mergulharmos no mundo dos videojogos e passar horas diante do computador. Um sofá contra todo o tipo de dores e medos”, explicou, durante a vigília de oração que reuniu mais de 1,5 milhões de pessoas durante a Jornada Mundial da Juventude.

O Papa perguntou aos presentes no ‘Campus da Misericórdia’, 15 quilómetros a sul de Cracóvia, se queriam “lutar” pelo seu futuro. “Sim”, responderam os presentes, num momento saudado por uma salva de palmas.

Francisco sublinhou que ninguém veio ao mundo para “vegetar” e que esta ideia de juventude “adormecida” apenas convém aos que “decidem o futuro” pelos outros. “É muito triste passar pela vida sem deixar uma marca”, assinalou.

O Papa subiu o tom da intervenção para condenar as “outras drogas socialmente aceitáveis” que retiram a liberdade aos jovens e os deixam “entorpecidos”. “Para seguir a Jesus, é preciso ter uma boa dose de coragem, é preciso decidir-se a trocar o sofá por um par de sapatos que te ajudem a caminhar por estradas nunca sonhadas”.

O pontífice quer que os jovens católicos sejam “atores políticos, pessoas que pensam, animadores sociais” e construam “uma economia mais solidária”. “Deus espera algo de ti!”, insistiu. Nesse sentido, disse que o mundo atual “não precisa de jovens-sofá, mas de jovens com sapatos, ainda melhor, calçados com botas”.

A intervenção concluiu-se com um apelo a “percorrer as estradas da fraternidade” e, simbolicamente, desafiou os jovens a construir uma “ponte fraterna” com um aperto de mão com quem estava a seu lado.

in Voz de Lamego, ano 86/38, n.º 4374, 2 de agosto de 2016

  1. Ainda sem comentários.
  1. No trackbacks yet.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: