Início > Ano Pastoral, Eventos, Peregrinações > Santa Eufémia | Tempo de fé e de festa em Penedono

Santa Eufémia | Tempo de fé e de festa em Penedono

slide10

O mês de Setembro fica também marcado pela memória do die natalis da virgem mártir Santa Eufémia, no dia 16 de setembro, à qual o povo cristão do norte e centro de Portugal tem grande devoção, a santa que mais devotos congrega nas suas festividades, capelas e santuários a ela dedicadas. Na diocese de Lamego, são três os principais lugares de devoção a esta virgem mártir: Penedono, Pinheiros-Tabuaço e Parada do Bispo.

O santuário dedicado a santa Eufémia na vila de Penedono está edificado na zona de transição da Beira para o Douro, motivo pelo qual durante tantos séculos às festividades de santa Eufémia se associou uma grande feira, onde as gentes das duas zonas vendiam os seus produtos. Na atualidade com o declínio da agricultura, a feira serve mais para comprar roupas, calçado e comer a famosa marrã de santa Eufémia e as fêveras assadas.

Em Penedono, a romaria é precedida de uma novena de preparação na capela do santuário de 7 a 14 de Setembro, às 18h30, onde são rezadas as vésperas dos mártires seguida da celebração da eucaristia e meditação. Este ano será o P. Paulo Alves que irá orientar a novena. De realçar que no domingo dia 13 a celebração da eucaristia dominical da paróquia de Penedono irá também ser na capela do santuário pelas 11,30h, ficando para as 18h30 a meditação da via-sacra.

As celebrações litúrgicas no dia 15 de setembro começam com a celebração da Eucaristia pelas 10h30 na capela do santuário, para os peregrinos que vieram a pé. Pelas 20h30 já no palco da grande esplanada será novamente celebrada eucaristia, este ano haverá um momento onde serão lembrados todos os cristãos que a exemplo de santa Eufémia sofrem nos dias de hoje perseguições por causa da sua fé e o drama atual dos refugiados. Durante a noite os peregrinos têm a feira anual onde podem fazer as suas compras, comer, escutar os sons das concertinas e cantares à desgarrada e o concerto das bandas filarmónicas dos Bombeiros de Penedono e de Nagozelo do Douro enquanto esperam pelo majestoso fogo-de-artifício.

O dia 16, die natalis da virgem mártir Santa Eufémia, tem início com a celebração da Eucaristia pelas 9h30 seguida de um tempo de reflexão e preparação para o sacramento da reconciliação. Inicia-se pelas 15h00, a eucaristia final presidida pelo Senhor Bispo da diocese de Lamego D. António Couto, ou um seu representante, seguida da procissão final com a imagem de santa Eufémia.

A participação na novena e na romaria de santa Eufémia, deve ser para todos os seus devotos um momento para crescer na fé, um momento para descansar e preparar o corpo para os trabalhos agrícolas que se aproximam e um momento para ser feliz na companhia de familiares e amigos.

A Reitoria do Santuário, in Voz de Lamego, ano 85/41, n.º 4328, 8 de setembro

  1. Ainda sem comentários.
  1. No trackbacks yet.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: