Arquivo

Archive for 03/07/2015

Paróquia de Tabuaço | Escolas de vivência da Fé | 2015

12 de junho 2015_6

Ao longo do ano pastoral de 2014-2015, todos os meses, de outubro a junho, jovens e adultos da paróquia de Tabuaço participaram em várias sessões da Escola da Fé que se realizaram no Centro Paroquial de Tabuaço.

Em cada Escola da Fé, falámos e explorámos uma das oito Bem-aventuranças. Estas sessões foram dirigidas pelo Padre Giroto, responsável pelas escolas da Fé no Arciprestado de Moimenta da Beira, Sernancelhe, Tabuaço, e também pelo Padre Bráulio (ambos párocos em Alvite, Leomil e Sever).

A Escola da Fé serviu para enriquecer os nossos conhecimentos, debruçando-nos especialmente sobre as Bem-aventuranças, mas abordando outros temas, como a família, os jovens, os idosos, a missão de cada um e de cada grupo, na Igreja e na sociedade do nosso tempo, procurando acolher a mensagem de Jesus e tornando-se missionário para os outros.

Neste ano pastoral, as escolas da fé serviram para integrar alguns adultos que se propuseram a celebração do Crisma, para lá de uma presença constante do grupo de jovens (GJT).

A última sessão da Escola da Fé foi no dia 12 de junho, festa do Sagrado Coração de Jesus, terminando com um pequeno convívio, com a partilha de bolos e sobremesas, acentuando outra dimensão importante das escolas da fé, o encontro e a convivência, promovendo a proximidade e a amizade, entre os diversos grupos paroquiais e pessoas de diferentes idades e sensibilidades.

Uma palavra de agradecimento àqueles que nos ajudaram a aprofundar a nossa fé e a refletir a mensagem de Deus. Esperamos que nos próximos anos mais pessoas aproveitem.

Sara Santos, in Voz de Lamego, n.º 4320, ano 85/33, de 30 de junho de 2015

Paróquia de Almacave | Convívio Paroquial

Convivio Almacave4

Em Lamego vivemos sob a proteção da Mãe do Céu, Ela caminha connosco, é nossa protetora e confidente. Intercede por nós e abençoa-nos lá do alto do Monte de Santo Estevão com o nome de Nossa Senhora dos Remédios. Na paróquia da Sé é a padroeira a quem chamam de Nossa Senhora da Assunção e, na Paróquia de Almacave é a Santa Maria Maior.

Esta enorme devoção à Mãe que está sempre no meio de nós, reuniu com o seu afeto materno a Paróquia de Santa Maria Maior de Almacave, no último domingo, 28 de junho, noutro santuário mariano, para o convívio de encerramento das atividades pastorais deste ano. Cinco autocarros, manhã cedo, rumaram em direção a Oliveira de Azeméis.

Mesmo ao lado da cidade, cobrindo um pequeno morro, fica o Parque de La Salette,  um  agradável espaço verde, com excelentes miradouros para a paisagem circundante e onde se ergue a Capela dedicada a Nossa Senhora de La Salette. O templo, de cunho neomedieval, foi edificado nos princípios do século XX . Foi nesta capela que os nossos párocos, Monsenhor José Guedes e Padre José Abrunhosa, celebraram a eucaristia dominical da paróquia. Foi um belo momento de comunhão entre todos os presentes. Como já vai sendo habitual, o grupo de jovens animou a celebração com a sua música e alegria.

A seguir, foi o almoço partilhado em jeito de piquenique. E, o convívio continuou pela tarde, já no Parque de Santa Maria da Feira, em saudável comunhão com a Natureza. Houve animação ao som da música da concertina do senhor Roxo.

A alegria foi, pois, o mote deste convívio paroquial. O cristão é vocacionado para a alegria. Ela vem-nos da vitória pascal mas, muito antes, de Nossa Senhora que concebeu Jesus na alegria, como o expressa no seu Magnificat:

“A minha alma glorifica o Senhor

e o meu espírito se alegra em Deus, meu Salvador”.

Agradecemos à Mãe a graça de nos ter juntado para este agradável convívio e peçamos-lhe que nos ajude a ser uma paróquia unida e feliz.

Movimento da Mensagem de Fátima,

in Voz de Lamego, n.º 4320, ano 85/33, de 30 de junho de 2015