Início > Ano Pastoral, D. António Couto, Eventos, , Jesus Cristo, Jovens, Sacramentos > Sacramento do Crisma | Paróquia de Santa Maria de Almacave

Sacramento do Crisma | Paróquia de Santa Maria de Almacave

almacave

“… Designou 72 discípulos e enviou-os dois a dois…” (Lc 10)

No dia 31 de Maio, Solenidade da Santíssima Trindade, a Paróquia de Almacave viveu o seu dia de Festa da Confirmação de 72 crismados, dividindo-se em jovens com o percurso de 10 anos de Catequese, das paróquias de Almacave e Penude e adultos que fizeram o seu percurso catequético em diversas paróquias, de onde vieram transferidos.

Começa a ser muito frequente na Paróquia a procura do Sacramento do Crisma por adultos que assim demandam completar um percurso de vida que lhes dê respostas a necessidades inerentes ao ser padrinhos mas também, alguns que procuram aprofundar a sua fé, pelo que há já a concretização de uma formação catequética globalizante e que permita em pouco tempo fazer a formação necessária.

O Sr D. António, que presidiu a esta Cerimónia, incidiu a sua homilia na centralidade do Dom do Espírito recebido nesta Celebração e no simbolismo da oferta de uma flor que não necessita de palavras entre quem a dá e a recebe pois o silêncio tudo expressa, para aludir ao mesmo Dom que cada crismado recebe de forma impercetível, no seu Crisma. O número de crismandos, 72, levou a que a passagem de Lucas 10 fosse citada para o convite a que os Crismados assumissem a sua missão a partir de agora.

Assim, terminou mais um percurso catequético que inúmeros jovens fizeram ao longo dos 10 anos, com diversos catequistas que procuraram fazer o seu acompanhamento ainda que, com a cada vez maior dificuldade em motivar a sua participação, a cada ano que passa.

A participação no Retiro em Resende que os crismados fizeram em conjunto com o Grupo Almacave Jovem, foi um passo para a adesão de muitos deles às atividades que o Grupo realiza e que se espera seja a melhor forma de atratividade à Mensagem de Jesus Cristo.

Esperemos agora que a semente lançada venha a dar frutos e que sejam em abundância na Messe do Senhor, pois o trabalho dos “semeadores” foi feito e agora cabe ao Espírito do Senhor e à Providência Divina a abertura dos caminhos de todos os 72 crismados.

Isolina Guerra, in Voz de Lamego, n.º 4316, ano 85/29, de 2 de junho de 2015

  1. Ainda sem comentários.
  1. No trackbacks yet.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: