Início > Ano Pastoral, D. António Couto, Eventos, Notícias > Zona Pastoral de Resende | FESTA DA FAMÍLIA

Zona Pastoral de Resende | FESTA DA FAMÍLIA

Festa da família1

A 28 de dezembro, domingo da Oitava de Natal, dia em que a Igreja celebra a Festa da Sagrada Família de Jesus, Maria e José, realizou-se, na Igreja da Imaculada Conceição, em Resende, a Festa da Família. Esta iniciativa, encimada pelo tema pastoral, proposto para o ano 2014/2015, “Ide e construí com mais amor a Família de Deus”, teve como ponto alto as Bodas de Ouro ou de Prata de cerca de 40 casais pertencentes às paróquias da zona pastoral de Resende. Esta cerimónia, muito bela, foi presidida pelo Excelentíssimo Reverendíssimo D. António Couto e concelebrada pelos senhores Vigário Geral, Pró-Vigário, Párocos das comunidades envolvidas e Diácono recentemente ordenado; colaboraram os grupos de Acólitos, de Escuteiros, Corais, as zeladoras e outros fiéis leigos da assembleia participante.

                Na homilia, o presidente da celebração, com a seriedade que lhe reconhecemos e a profundidade a que nos habituou, fez uma preleção da liturgia prevista para este dia, iniciando pelo texto, que esteve escondido “na gaveta” durante cinquenta anos, do Livro de Ben-Sirá, referindo o convite que nos é feito ao amor dedicado aos nossos pais, para que o Senhor ponha em nós o seu olhar de bondade; passando pelo texto da Carta de São Paulo aos Colossenses, em que o autor exortatodos os membros constituintes da Família ao amor mútuo, salientando que os vestidos mais importantes para a festa não estão à venda em nenhum pronto-a-vestir, mas sim aqueles que vêm de Deus, que nos vestem interiormente e enchem os nossos corações para que espelhem sentimentos de bondade, paciência, humildade, mansidão, perdão, caridade e amor. Salientou, igualmente, o texto em que São Lucas nos descreve a ida ao templo de Jerusalém, quarenta dias depois das alegrias do Natal, para darem cumprimento à Lei de Moisés, dando ênfase à cena composta pelos velhinhos Simeão, “o Escutador” – o homem movido pelo Espírito Santo, e Ana, “a Graça” – a mulher que anuncia. Pediu que cada um de nós, tal como estes velhos anciãos que viram a Luz e exultaram de Alegria, sejamos escutadores atentos do bater do coração de Deus, vivendo mais “Rosto a Rosto com Deus” e anunciadores D’Ele pelo nosso testemunho.

                Para que esta festa fique recordada, o Senhor D. António entregou um certificado simbólico desta comemoração e felicitou pessoalmente cada um dos casais que disseram «sim» a esta festividade, não esquecendo todos os outros casais que não puderam estar presentes por não se encontrarem entre nós.

                Por último, o animador da cerimónia, Pe. José Augusto, agradeceu a todos os presentes nesta linda festa, desde o nosso Bispo da Diocese de Lamego aos restantes intervenientes na mesma.

Eduardo Pinto, in VOZ DE LAMEGO, n.º 4295, ano 85/08, de 6 de janeiro de 2015

  1. Ainda sem comentários.
  1. No trackbacks yet.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

%d bloggers like this: