Arquivo

Archive for 09/06/2014

Museu Diocesano – exposição “Viagem ao Oriento no séc. XIX”

ImagemImagem

O Museu Diocesano de Lamego inaugurou mais uma oportuna exposição, no dia 8 de junho, sob o tema “Viagem ao Oriente no Século XIX” e que estará disponível até ao dia 14 de setembro do corrente ano de 2014.

Na apresentação da Exposição, enquadra-se a sua relevância:

“Um excecional núcleo de fotografias do século XIX promete transportar os visitantes para um novo mundo a partir do próximo dia 8 de junho. “Viagem ao Oriente no séc. XIX” está a chegar e com ela toda a magia da fotografia, num tempo em que a Europa se fascinava com as imagens deste novo meio, que possibilitava um novo conhecimento do planeta e das múltiplas culturas distantes.

Do Cairo a Jacarta, do Egito das pirâmides e do deserto aos príncipes de Java, passando através do Canal do Suez, Port Said, o Mar Vermelho, o Oceano Índico, a Índia e as colónias portuguesas, Bombaim e Ceilão, Timor, Java e as Índias Holandesas, esta é uma viagem pelo Oriente, entre 1880 e 1895, no auge da descoberta e do fascínio da Europa pelo Oriente.

Paisagens, ambientes urbanos, arquiteturas, grandes obras de engenharia, o passado, o presente e a construção do futuro desfilam de fotografia em fotografia, que constituem também o rasto das pegadas portuguesas pelo Mundo.

Esta exposição é assim o mote para uma viagem no tempo e no espaço, através da fotografia, janela aberta para a memória”.

Ler mais…

Pe. Lucas Ribeiro Pedrinho (1919 – 2014)

Imagem

No passado dia 6 de junho, Deus chamou a Si o Pe. Lucas Ribeiro Pedrinho. Natural da paróquia de São Tiago de Magueija, nasceu em 18 de maio de 1919, com 95 anos de idade. Frequentou os dois Seminários da Diocese de Lamego, sendo ordenado sacerdote a 26 de junho de 1942, na Igreja Paroquial de Vila da Ponte, Sernancelhe pelo Bispo de então, D. Agostinho de Jesus e Sousa.

Em 27 de julho de 2012, voltou a esta Igreja para aí comemorar os 70 anos como presbítero.

Vale de Figueira a Velha e São João da Pesqueira foram as primeiras paróquias, seguindo a paroquialidade de Caria e de Carregal, com a nomeação a 20 de julho de 1945. Em 22 de setembro de 1976 foi-lhe também confiada a paróquia de Lamosa. A 2 de outubro de 2002 foi dispensado da missão de pároco e foi-lhe confiada a capelania do Mosteiro das Irmãs Dominicanas Contemplativas, no monte de Nossa Senhora dos Remédios.

Viveu os últimos anos na Casa de São José, em Lamego e ultimamente estava na Santa Casa da Misericórdia de Moimenta da Beira onde foi Provedor durante alguns anos e que tinha ajudado a fundar.

O funeral, na paróquia de Caria, no dia 7 de junho, foi presidido pelo senhor Bispo D. António Couto, que, em nome da Diocese de Lamego, agradeceu a Deus a sua vida, a maioria da qual como sacerdote ao serviço da Igreja e da sociedade. Na concelebração, cerca de 20 sacerdotes. A hora e o dia do funeral não permitiu que outros sacerdotes estivessem presentes.

A Deus agradecemos a sua vida e o seu ministério sacerdotal. Que na Casa do Pai ele continue no louvor e na intercessão a rezar por nós, pela nossa Diocese e pelo mundo em que vivemos.

Foto retirada: Sernancelhe Terra da Castanha, AQUI.